Queremos convidar você a fazer uma viagem, uma viagem mágica, por diversos países, culturas, hábitos, épocas, onde sua imaginação quiser e você se permitir...

Viajar pelas páginas de nossos livros, por vários gêneros, escritores anônimos e ilustradores e também os ilustres escritores: romances, aventuras, comédias, mistérios, épicos, auto-ajuda, poéticos, didáticos... toda leitura faz o ser humano conhecer, abranger, crescer...

Neste blog vamos divulgar, sugerir, incentivar, um espaço para interagir com você, que vai ser nosso seguidor ou dar apenas uma espiadinha, mas será sempre bem-vindo, como aquele amigo que senta para tomar um café e conversarmos sobre aquelas páginas de um livro que mais nos marcou, ou aquele que estamos lendo no momento, então fica aqui nosso convite, entre no nosso blog, tome um café, enquanto passeia pelos nossas postagens, interaja conosco sempre, estamos aqui na rede aguardando a sua chegada.


Abraços literários.


Aparecida




Vamos trocar idéias, opiniões, interagir?

Tem algum comentário ou sugestão para fazer?

Escreva para nós no e-mail: cafecomleituranarede@gmail.com


Loja Virtual

A loja virtual "Café com leitura na rede" está a todo vapor, e convidamos você a visitar nossa loja, lá lhe aguardam ótimos preços, opções para todos os gostos e um atendimento muito, muito especial e amigo.

Acesse agora mesmo:


Abraços


Equipe Café com Leitura na Rede.



sábado, 27 de abril de 2013

O que é quote ?????


                                                                                 



É o mesmo que uma citação, uma frase retirada de um livro, colocar entre “aspas”, mencionar com o objetivo de enfatizar uma opinião, especificar, determinar.
Alguns quotes se tornaram referências ao longo dos anos e podem ser considerados “imortais” das letras.

O quote abaixo foi retirado do livro “A sombra do vento” do autor Carlos Ruiz Zafón.

“Cada livro, cada volume que vês, tem alma. A alma de quem o escreveu e a alma dos que o leram e viveram e sonharam com ele. Cada vez que um livro muda de mãos, cada vez que alguém desliza o olhar pelas suas páginas, o seu espírito cresce e torna-se forte.”


Abraços literários.



terça-feira, 23 de abril de 2013

Dia Mundial do Livro-


                                                                                



O poeta Fernando Pessoa, um dos mais importantes escritores da história, ao expressar sua paixão pela leitura, disse: ler é sonhar pelas mãos de outrem.
As possibilidades infinitas que os livros possuem nos levam a mundos jamais imaginados, lugares desconhecidos, épocas remotas e recheadas de aventuras, emoção e ensinamentos.
É a porta de entrada para um mundo novo, repleto de experiências e sensações. E o hábito da leitura é uma forma de desenvolvimento humano poderosa.
A importância da leitura está para as pessoas de todas as idades assim como o combustível está para os carros. Às crianças pequenas, para se incentivar cada vez mais a ter o estimulante hábito de ler; aos adolescentes e adultos, para que adquiram mais conhecimentos para suas vidas; e aos idosos para que tenham uma velhice tranqüila com disposição e lucidez que a leitura, segundo a ciência já provou, ajuda a manter e melhorar exercitando a memória com essa atividade. O incentivo à leitura tem papel fundamental para transformarmos as futuras gerações em vencedores e capacitadas a ter uma qualidade de vida digna.
Ler é um passatempo e um aprendizado inesgotável.
Por isso ao comemorarmos hoje o dia mundial do livro, fica aqui registrada a sugestão: 
- Leia aquele livro que está esperando por VC!  Presenteie a si mesmo!
  Mais do que um presente, uma demonstração de carinho.


Até o próximo post.
Abraços literários!

quinta-feira, 18 de abril de 2013

Dia Nacional do Livro Infantil-


                                                                            


No dia 18/04, o Brasil comemora o Dia Nacional do Livro Infantil e escolheu este dia por ser a data de nascimento de um dos nossos ícones da literatura infantil: Monteiro Lobato, tradutor, escritor, contista e ensaísta. Algumas de suas obras mais conhecidas são:  O Sítio do Picapau Amarelo, O Marquês de Rabicó,  Reinações de Narizinho, O Pó de Pirlimpimpim, Caçadas de Pedrinho, Memórias da Emília. Histórias de Tia Anastácia, O Minotauro e Os Doze Trabalhos de Hércules entre outros.

                                                                                  



José Bento Monteiro Lobato nasceu em 18 de abril de 1882, em Taubaté, no Vale do Paraíba. Estreou no mundo das Letras com pequenos contos para os jornais estudantis.
No curso de Direito da Faculdade do Largo São Francisco, venceu um concurso literário, promovido em 1904 pelo Centro Acadêmico XI de Agosto.
Nessa fase de sua formação, Lobato entrou em contato com a obra do filósofo alemão Nietzsche, cujo pensamento o guiaria vida afora.
Viveu um tempo como fazendeiro e foi editor de sucesso. Mas foi como escritor infantil que Lobato despertou para o mundo em 1917.
Escreveu, nesse período, sua primeira história infantil, "A menina do Narizinho Arrebitado", o livrinho, lançado no natal de 1920, fez o maior sucesso. Dali nasceram outros episódios, tendo sempre como personagens Dona Benta, Pedrinho, Narizinho, Tia Anastácia e, é claro, Emília, a boneca mais esperta do planeta.
Insatisfeito com as traduções de livros europeus para crianças, ele criou aventuras com figuras bem brasileiras, recuperando costumes da roça e lendas do folclore nacional. E fez mais: misturou todos eles com elementos da literatura universal da mitologia grega, dos quadrinhos e do cinema.
No Sítio do Picapau Amarelo, Peter Pan brinca com o Gato Félix, enquanto o Saci ensina truques a Chapeuzinho Vermelho no país das maravilhas de Alice. Mas Monteiro Lobato também fez questão de transmitir conhecimentos e ideias em livros que falam de história, geografia e matemática, tornando-se pioneiro na literatura paradidática - aquela em que se aprende brincando.


Para comemorar o dia de hoje,  qual livro de sua infância VC recomenda ??????

Abraços literários e até a próxima.

domingo, 14 de abril de 2013

Dia Internacional do Café-




Dia Internacional do Café
14 de Abril

Nós do Café com Leitura na Rede estamos em festa durante todo o mês de abril!
Como já postamos anteriormente este é o mês do livro e agora apresentamos a VCS mais essa saborosa coincidência! Em abril comemoramos também o dia internacional do café!
Aproveitamos esta data para um convite aos  leitores: Vamos nos deliciar com uma xícara quentinha de café, acompanhada de um bom livro e vamos aproveitar para saber mais sobre a bebida que nos aquece numa tarde fria como hoje ????????

                                                                                
                                                                                 
                                                                                 


Café é coisa brasileira. Determinou grandes momentos da nossa história, ditou políticas e comportamentos, é da nossa cultura. Nós não temos o hábito do chá das cinco, como os ingleses, mas é só chegar uma visita em casa, que corremos para fazer um café fresquinho, "passado na hora".
O produto conquistou o respeito da população. Revigorado, com novo marketing, ganhou novas versões para atingir consumidores mais exigentes: agora, você pode escolher se seu café é descafeinado, ou orgânico, ou liofilizado; granulado, solúvel, torrado e moído ou  torrado em grão.
História do café
A história do café é marcada por interessantes acasos e coincidências.
Sua origem é estimada em cerca de mil anos e está associada aos árabes, que primeiro cultivaram a fruta. A região de Kafa, no Oriente Médio, parece ser o berço do café, tendo inclusive emprestado seu nome à bebida.
Mas interessante mesmo são os primeiros registros acerca do café, nos quais podemos perceber como a observação dos animais inspira nosso cotidiano.
Tudo começou na Etiópia, quando um pastor percebeu que suas cabritas gostavam de comer certo fruto pequenino, vermelho e arredondado. Estas mesmas cabritas se mostravam mais espertas e resistentes depois de comê-lo.
Quando o pastor resolveu experimentar as frutas (esmagou-as com manteiga e fez uma pasta), conheceu os efeitos estimulantes do café. A versão bebida, porém, vem dos árabes.
Isto foi no século XV. Com o passar do tempo, o café seria não só saboreado, como estudado em seus efeitos estimulantes e revigorantes.
Através do comércio dos árabes com os europeus, o consumo do café foi se ampliando e, com as grandes navegações, chegou às Américas Central e do Sul.
O futuro do café é ser reduzido a pó. Nada mau para uma bebida tão apreciada! Desde seus tempos de frutinha vermelha, com aspecto de cereja, até ser torrado, moído e bebido, o café passa por várias peripécias.
Para ser um bom café, primeiro é necessário um bom clima: temperado. O relevo, se for montanhoso, é mais propício. Depois de plantado, esperam-se dois ou três anos para que o pé de café dê os frutos, que são colhidos geralmente nos meses de abril a junho.
A maneira de colher varia: há a colheita mecânica, também chamada colheita forçada, ou a manual, que pode ser do tipo derriça, com pano (catado), ou por varrição.
Então, os grãos são secos.
A próxima etapa é a retirada de cascas e impurezas. Depois, o café cru é classificado de acordo com o tipo de peneiras por onde passa. Depois desta classificação, o café é comercializado em sacas de 60 quilos.
O café que compramos costuma ser uma mistura de grãos, chamada de blend, que resulta no sabor que cada produto oferece. Feito o blend, ele é torrado. De acordo com a intensidade da torra, os grãos ganham aparência clara, média ou escura; perdem 20% do peso e dobram de tamanho.
A próxima etapa é a moagem, para então o café ser empacotado e levado ao consumidor.
Três ou quatro xícaras da bebida por dia, regularmente, podem aumentar a capacidade de atenção, concentração e de formação de memória em adultos e crianças. Além disso, tomar café diminui a incidência de apatia, desânimo e depressão.
Já o uso sem regularidade aumentaria a atenção apenas por um determinado período. Por isto, o professor recomenda um uso diário e moderado - bem mais eficiente do que uma eventual superdose, típica das vésperas de prova!
Para desfrutar dos efeitos benéficos para o aprendizado, recomenda-se beber o café pela manhã, na primeira hora após acordar. Com leite, os efeitos são os mesmos; o valor nutritivo é que aumenta. Por isto, café com leite é uma boa opção.
O café atuaria ainda sobre as áreas do cérebro que induzem ao desejo de superação, fazendo com que o humor fique mais bem equilibrado e evitando os sentimentos de depressão.

Tem gente que bebe café pelo simples prazer que ele proporciona. Outros fazem isso na tentativa de se manterem acordados ou para aumentar a concentração. Há também aqueles que não dão o almoço por encerrado sem antes saborear a bebida. Independente do momento do dia ou do objetivo pelo qual o cafezinho é consumido, o fato é que a grande maioria das pessoas não consegue viver sem ele.
Se é difícil abrir mão dele um dia sequer, no Dia Internacional do Café, comemorado hoje, nada é capaz de impedir que um coffee lover deguste pelo menos uma xícara bem coada da bebida. O momento também não poderia ser mais oportuno para saber mais sobre esse grão tão importante na nossa alimentação.
Para homenagear a bebida e mostrar por que ela é uma verdadeira paixão do nosso país, o blog vai postar algumas curiosidades sobre o nosso queridinho. Confira:

Por que o brasileiro bebe muito café?
A bebida faz parte do hábito dos brasileiros, sendo sinônimo de amabilidade e boas vindas. É consumida em vários momentos do dia: de manhã, para acordar, no meio da manhã como a refeição intermediária, após o almoço e no lanche da tarde.

Qual é o tipo de café preferido do brasileiro?
Ele tem preferência por cafés mais fortes, menos ácidos, mas quando o café é de alta qualidade, somos unânimes: gostamos de cafés encorpados e naturalmente doces, inclusive no caso de expressos.

Por que o costume de tomar café depois do almoço é tão forte?
Quando não tomamos no final do almoço temos a impressão de que está faltando algo, além disso ele auxilia na digestão.

O seu consumo tem alguma contra-indicação?
O consumo moderado de três xícaras por dia não tem contra-indicação, mas não é recomendado para quem tem arritmia ou pressão alta.

Quais as principais diferenças entre o café coado e o expresso?
No coado, usamos mais água do que no expresso, portanto é mais diluído. Já o expresso é mais concentrado porque usamos mais pó e menos água, a qual passa pelo pó sobre pressão, retirando todos os óleos essenciais.

Quais as dicas para preparar um bom café em casa?
- Guarde o pó de café na geladeira e o consuma até 15 dias
- Use água filtrada  e a aqueça até que fique suficientemente quente sem levantar fervura.
- Molhe e umedeça todo o pó de café e depois derrame a água lentamente até coar toda a bebida
- Deguste-o sempre fresco. Se precisar aquecê-lo, escalde xícaras e garrafas térmicas. (Escaldar é o mesmo que jogar água quente no recipiente, para manter o calor e não deixar esfriar o líquido).
- Adoce da maneira que achar mais conveniente, mas o ideal é experimentar o café antes para saber se vai precisar mesmo adoçá-lo ou quanto de açúcar ou adoçante será necessário colocar.
Experimente as opções de café torrado e moído, a vácuo torrado e moído e solúvel granulado.


Abraços literários e até a próxima!

terça-feira, 9 de abril de 2013

O que são distopias ?????


                                                                                



Apesar dos livros e filmes do gênero terem virado moda, muita gente ainda não sabe que raios é a tal distopia que todo mundo fala.
 “Distopia” também pode ser chamado de “antiutopia”. Ou seja, se utopia é uma civilização ideal, a antiutopia, ou distopia, geralmente pessimista, é o contrário disso. Em um primeiro momento, a sociedade distópica parece ideal e ela pode ocorrer num futuro ou em um presente/passado paralelo. Em uma distopia, há sempre alguém controlando tudo – seja um personagem dominante, uma organização ou o próprio Estado. As regras ditadas são rígidas e parecem ter sido criadas para o bem comum, mas no decorrer da história, percebemos que elas favorecem poucos e segregam a maioria. As obras distópicas sempre trazem um questionamento sobre nossos valores sociais e políticos, mesmo que eles sejam refletidos numa sociedade completamente diferente da nossa.
Apesar de muitas distopias se passarem em um futuro repleto de tecnologia, nem todas as distopias são ficção-científica e nem todos os livros que se passam no futuro são distopias. Existem as distopias com fantasia, como por exemplo, Os Gêmeos de Pauline Alphen, e até mesmo distopias cristãs que romanceiam o Apocalipse Bíblico. 
De certa maneira elas tiram a gente do “lugar comum” e nos fazem pensar sobre características da sociedade. Livros que estimulam o pensamento e a crítica são sempre bem-vindos, não é mesmo? Afinal, os livros se eles nos ajudam a pensar e transformar! Apesar de ser adepta da teoria de que todos os livros nos ensinam alguma coisa, creio que com as distopias o pensamento é mais “estimulado” em certos sentidos.

Então, para iniciar vocês no “mundo distópico”, deixo uma lista com alguns dos mais conhecidos livros do gênero como sugestão de leitura:


- A Máquina Do Tempo de H.G.Wells
- A Revolução Dos Bichos de George Orwell
- 1984 de George Orwell
-Admirável Mundo Novo de Aldous Huxley
- Fahrenheit 451 de Ray Bradbury
- Fundação de Isaac Asinov
- Nevasca de Neal Stephenson
- Laranja Mecânica de Anthony Burgess
- O Planeta Dos Macacos de Pierre Boulle
- O Peregrino de John Twelve Hawks
- Jogos Vorazes de Suzanne Collins
- Starters de Lissa Price
                                           

 VCS curtem literatura distópica ?????
Quais livros do gênero recomendam ????

Abraços literários e até a próxima.


quarta-feira, 3 de abril de 2013

O que são spoilers ?????


                                                                                




Este é o termo utilizado nos EUA para informações relacionadas ao que vai acontecer na história das séries.
Os spoilers  podem ser revelados através de informações sobre mudanças de elenco ou em revelações sobre destinos de personagens, bem como situações específicas em determinados episódios. Também podem ser revelados por fotos ou vídeos.
Spoiler tem origem no verbo spoil, que significa estragar, e é um termo de origem inglesa.
Spoiler é quando alguma fonte de informação, como um site, ou um amigo, revela informações sobre o conteúdo de algum livro, ou filme, sem que a pessoa tenha visto.
É  uma espécie de “desmancha-prazeres”, assim como aquela pessoa que conta os finais, ou o que vai ocorrer com determinado personagem em filmes, séries, livros, sem que  a outra pessoa  queira  saber.  Não necessariamente precisa contar o fato todo, pode ser qualquer parte de uma fala, texto, imagem ou vídeo que faça revelações importantes sobre determinados assuntos.
Pode ainda  agir de maneira inconsciente,  dividindo o que descobriu,  sem pensar se as pessoas querem saber.  
Existe também, o spoiler “profissional” que são aqueles sites especializados em contar fatos sobre séries, livros e filmes através de informações que descobriram, e os fãs geralmente procuram por essas pessoas e/ou sites.

VCS gostam (ou não) de saber o que vai acontecer com determinado personagem, episódio de série, ator escalado para um filme ou então qual vai ser  o final do livro ???????????

Nos encontramos na próxima postagem.
Até lá.
Abraços literários.

terça-feira, 2 de abril de 2013

Dia Internacional da Literatura Infantil-


                                                                              
                                                                                 


Príncipes, princesas, vilões, heróis e animais falantes. O mundo infantil não é somente baseado em brinquedos. A literatura também faz parte, trazendo a magia e o encantamento para a vida dos pequeninos. Geralmente ilustrados,  os livros infantis englobam desde lendas e tradições folclóricas à muitos clássicos mundialmente conhecidos.
No dia 2 de abril, comemora-se o  “Dia Internacional da Literatura Infantil”.
 A data é uma homenagem ao fabuloso escritor Hans Christian Andersen, nascido em 2 de abril de 1805, que escreveu e imortalizou inúmeras histórias como “ O Soldadinho de Chumbo”, “A Pequena Sereia”, “As Roupas Novas do Imperador”, “A Caixinha de Surpresas”,  “A Polegarzinha”  e “O Patinho Feio”.

                                                                              



A data é conhecida e comemorada mundialmente, em mais de sessenta países, como forma de incentivar e despertar nas crianças o gosto pela leitura.
Tanto os clássicos da literatura infantil quanto os livros somente ilustrados, proporcionaram o desenvolvimento do imaginário das crianças, bem como o aspecto cognitivo, desenvolvendo seu aprendizado em várias áreas da vida.
As histórias reportam valores morais e éticos, que levam a repensar as atitudes do cotidiano, numa reflexão que pode modificar sua ação, tornando-a melhor enquanto pessoa. A literatura infantil traz sentido aos fatos que acontecem na vida, envolvendo as crianças. Dessa forma, qualquer passeio pelos mundos ficcionais tem a mesma função de um brinquedo infantil. As crianças brincam com a boneca, cavalinho de madeira ou pipa a fim de se familiarizar com as leis físicas do universo e com os atos que realizarão um dia.
Todos os anos a Internacional Board on Books for Young People, oferece o troféu “Hans Christian”, como sendo o prêmio Nobel desse gênero, algumas escritoras brasileiras já foram homenageadas, como Lygia Bojunga, no ano de 1982, e Ana Maria Machado, em 2000.
No século XIX, os irmãos Grimm escreveram obras que marcaram várias gerações e que até hoje, são lembradas. Foram  os primeiros incentivadores das histórias voltadas ao público infantil e à família. Com narrativas populares, pesquisas e fontes na mitologia nórdica, os livros “Branca de Neve e os Sete Anões”, “João e Maria”, “Cinderela”, “Rapunzel”, “Chapeuzinho Vermelho” e “Os Músicos de Bremen” foram lançados, passando ensinamentos  sobre o mundo , através de uma visão  fantasiosa e em tom lúdico, onde a criança pudesse aprender.
Lewis Carroll  (Alice no País das Maravilhas e Alice no País dos Espelhos) e Carlo Collodi (Pinóquio) também escreveram suas obras, fazendo com que a realidade e a ficção estivessem lado a lado, em um só mundo.
O hábito da leitura deve ser incentivado desde cedo. Além do aumento do vocabulário e da aproximação familiar, a leitura enriquece a criatividade infantil e traz ensinamentos nos quais os resultados são surpreendentes. Relembre  os clássicos infantis,  entre no encantador mundo do Era uma Vez  e passe adiante o incentivo à leitura e à cultura.

No Site e Blog Café com Leitura na rede, VCS  encontram lazer, entretenimento e conhecimento.
Sejam  bem-vindos !!!



segunda-feira, 1 de abril de 2013

Abril: Mês do Livro-


                                                                                  



Abril é considerado o mês do livro pelo simbolismo de importantes datas para a literatura.
No dia 02/04 é celebrado o Dia Internacional do Livro Infantil. A data foi escolhida no dia de nascimento de um dos maiores escritores de contos infantis- o dinamarquês Hans Christian Andersen, autor de clássicos como O Patinho Feio, O Soldadinho de Chumbo, A Pequena Sereia, A Roupa Nova do Rei, Os Sapatinhos Vermelhos, A Caixinha de Surpresas, A Polegarzinha e tantas outras histórias. O dia é comemorado em mais de 60 países como forma de incentivar, principalmente nas crianças, o gosto pela leitura. Além disso, o mais importante prêmio internacional do gênero, o Prêmio Hans Christian Andersen, tem seu nome.
No dia 15/04 é comemorado o Dia do Desenhista. Nós que amamos livros  sabemos a importância que tem esse profissional, afinal as ilustrações são fundamentais nos livros, principalmente os infantis e muitas vezes a narrativa até dispensa as palavras.
No dia 18/04, o Brasil comemora o Dia Nacional do Livro Infantil e escolheu este dia por ser a data de nascimento de um dos nossos ícones da literatura infantil: Monteiro Lobato, tradutor, escritor, contista e ensaísta. Algumas de suas obras mais conhecidas são:  O Sítio do Picapau Amarelo, O Marquês de Rabicó,  Reinações de Narizinho, O Pó de Pirlimpimpim, Caçadas de Pedrinho, Memórias da Emília. Histórias de Tia Anastácia, O Minotauro e Os Doze Trabalhos de Hércules entre outros.
Finalmente, no dia 23/04, celebra-se o Dia Mundial do Livro.
E logo no primeiro dia de maio,  comemora-se o Dia da Literatura Brasileira.
É muita data pra festejar e  nós do Café com Leitura na rede  já embarcamos nessa celebração!!


E VCS  estão  convidadíssimos a se juntarem a nós !!!
Sejam bem-vindos !!!!