Queremos convidar você a fazer uma viagem, uma viagem mágica, por diversos países, culturas, hábitos, épocas, onde sua imaginação quiser e você se permitir...

Viajar pelas páginas de nossos livros, por vários gêneros, escritores anônimos e ilustradores e também os ilustres escritores: romances, aventuras, comédias, mistérios, épicos, auto-ajuda, poéticos, didáticos... toda leitura faz o ser humano conhecer, abranger, crescer...

Neste blog vamos divulgar, sugerir, incentivar, um espaço para interagir com você, que vai ser nosso seguidor ou dar apenas uma espiadinha, mas será sempre bem-vindo, como aquele amigo que senta para tomar um café e conversarmos sobre aquelas páginas de um livro que mais nos marcou, ou aquele que estamos lendo no momento, então fica aqui nosso convite, entre no nosso blog, tome um café, enquanto passeia pelos nossas postagens, interaja conosco sempre, estamos aqui na rede aguardando a sua chegada.


Abraços literários.


Aparecida




Vamos trocar idéias, opiniões, interagir?

Tem algum comentário ou sugestão para fazer?

Escreva para nós no e-mail: cafecomleituranarede@gmail.com


Loja Virtual

A loja virtual "Café com leitura na rede" está a todo vapor, e convidamos você a visitar nossa loja, lá lhe aguardam ótimos preços, opções para todos os gostos e um atendimento muito, muito especial e amigo.

Acesse agora mesmo:


Abraços


Equipe Café com Leitura na Rede.



sábado, 31 de outubro de 2015

Caneca Literária #26: Teia Negra

                                                                                  


A Caneca Literária de hoje é para VCS que assim como nós amam um bom livro, aquele thriller de tirar o fôlego, envolvente e instigante, que não dá para parar de ler até chegar o final!

                                                                                



Teia Negra- Julio Rocha

Sinopse- O assassinato do presidente de uma multinacional do petróleo no Rio de Janeiro é tratado pela polícia local apenas como resultado de um assalto.
Entretanto, o pai da vítima, um poderoso milionário de Nova Iorque, não acredita nesta versão dos fatos e envia o ex-agente da CIA, Michael Farrel, para o Brasil. A missão de Michael é encontrar o responsável pela morte de seu amigo de infância, Robert Wong, e fazer justiça.
Com a ajuda de Kremer,  um policial federal brasileiro, Michael mergulha em uma intricada trama, envolvendo políticos do alto escalão do governo, empresários inescrupulosos e contratos bilionários. Aos poucos, o motivo da morte de Robert começa a ser desvendado, mas muitos obstáculos serão ultrapassados até que o verdadeiro assassino seja identificado e punido, não pela justiça brasileira, mas pelas leis de Bei Wong.

Um ágil e instigante thriller que nos envolve de tal maneira que fica impossível abandonar a leitura antes do final. E quando o final chega, VC quer continuar sentindo a adrenalina!
Narrado em 3ª  pessoa, com descrições maravilhosamente detalhadas e nem por um instante cansativas.
Já no prólogo VC já tem a noção do que vai encontrar pela frente e sabe que foi fisgado. É aí que conhecemos Bei Wong, pai de Rob que pede a Michael para traçar uma investigação paralela sobre o real motivo do assassinato de seu filho.
Teia Negra é o nome da missão que busca desvendar esse crime.
Um quebra-cabeça com peças soltas,  que a princípio não fazem sentido, mas que vão sendo alinhavadas as outras e acabam se encaixando perfeitamente.
Dividido em três partes: A Conspiração, A Verdade e A Vingança é uma narrativa de tirar o fôlego!
Investigações paralelas, planos mirabolantes, desafios aparentemente impossíveis, pressão psicológica, contratos milionários com direito a cláusula da discórdia, conflitos de interesses, escândalos de corrupção, aventuras e uma pitada de romance tudo na medida exata!
Personagens secundários muito bem construídos, com destaque para uma pequena, mas de suma importância, para o policial  Robson, que é o responsável pelas investigações. Ele que cresceu jurando fazer justiça, dar sua contribuição para que o mundo fosse um lugar melhor, recebe ordens superiores para encerrar o caso ...
Me encantei e me emocionei com o caráter e com a atitude dele!

 Eu que sou fã incondicional de livros únicos, fico torcendo para encontrar Michael e Kremer em uma nova missão!!!!

Leitura recomendadíssima!

Abraços Literários e até a próxima.


quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Dia Nacional do Livro-

                                                                                    


A partir de 1808, com a vinda da família real portuguesa e a fundação da Imprensa Régia, teve início o movimento editorial brasileiro.
O primeiro livro publicado aqui foi o terceiro volume de Marília de Dirceu, em 1812, escrito por Tomás Antônio Gonzaga.
Para a primeira biblioteca do Brasil, Portugal disponibilizou um acervo bibliográfico vindo da Real Biblioteca Portuguesa, com mais de sessenta mil objetos, composto por medalhas, moedas, livros, manuscritos e mapas.
As primeiras acomodações da Biblioteca foram em salas do Hospital da Ordem Terceira do Carmo, na cidade do Rio de Janeiro.
No dia 29 de outubro é comemorado o dia nacional do livro.
A escolha da data foi em razão da transferência da mesma, no dia 29 de outubro de 1810, fundando-se assim a Biblioteca Nacional do Livro, pela coroa portuguesa.
Da data da fundação até por volta de 1914, para se fazer consultas aos materiais da biblioteca era necessária uma autorização prévia.
Depois da Independência (1822), parte deste acervo retornou a Portugal e parte foi comprada pelo Brasil, dando origem à Fundação Biblioteca Nacional, assim denominada desde 1990.
Com nove milhões de itens, é considerada pela Unesco a oitava maior biblioteca do mundo e também a maior da América Latina.
O Dia Nacional do Livro é comemorado nesta data desde 1966.

 Até a próxima.

Abraços Literários.

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Cine Clube #16: Coração de Tinta-

                                                                                     


Ano: 2008
Diretor: Iain Softley
Elenco: Brendan Fraser, Andy Serkis, Helen Mirren, Paul Bettany
Produção: Cornelia Funke, Ileen Maisel, Diana Pokorny, Iain Softley
Roteiro: David Lindsay-Abaire, baseado em livro de Cornelia Funke
Fotografia: Roger Pratt
Trilha Sonora: Javier Navarrete
Duração: 105 min.
País: EUA
Gênero: Fantasia
Cor: Colorido
Classificação: 10 anos

Sinopse- Meggie trocaria facilmente sua vida simples pelas aventuras que costuma ler nos livros. Pois parece que seus pedidos foram atendidos. Seu pai Mo, com quem mora sozinha depois do desaparecimento de sua mãe, esconde um estranho segredo - ele é capaz de trazer os personagens dos livros à vida quando lê em voz alta. Esta habilidade pode ter relação com o sumiço da mãe de Meggie, mas, antes que a menina descubra mais, o vilão Capricórnio surge das páginas de "Coração de Tinta” em busca dos poderes de Mo para realizar seus planos. Agora, com a ajuda do misterioso Dedo Empoeirado e de sua tia-avó Elinor, Meggie e o pai entram em um intrigante mundo de magia para impedir o maligno Capricórnio e quem sabe finalmente encontrar sua mãe perdida.

Um encantador e visualmente lindo filme com um roteiro instigante aonde um homem e sua filha buscam sem descanso por um livro, o que rende muitas aventuras.
Um estímulo a leitura, proporcionando fantasia e encantamento na medida exata de  nos faz compreender que também podemos possuir uma “língua encantada”.
Recomendadíssima essa adaptação cinematográfica baseada no livro de mesmo nome da autora Cornelia Funke.


                                                                              



Para quem ama livros, um livro que fala sobre livros!

Sinopse do livro- Mo decidiu nunca mais ler um livro em voz alta. Sua filha Meggie é uma devoradora de histórias, mas apesar da insistência não consegue fazer com que o pai leia para ela na cama. Meggie jamais entendeu o motivo dessa recusa, até que um excêntrico visitante finalmente vem revelar o segredo que explica a proibição. É que Mo tem uma habilidade estranha e incontrolável - quando lê um texto em voz alta, as palavras tomam vida em sua boca, e coisas e seres da história surgem como que por mágica. Numa noite fatídica, quando Meggie ainda era um bebê, a língua encantada de Mo trouxe à vida alguns personagens de um livro chamado 'Coração de tinta’. Um deles é Capricórnio, vilão cruel e sem misericórdia, que não fez questão de voltar para dentro da história de onde tinha vindo e preferiu instalar-se numa aldeia abandonada. Desse lugar funesto, comanda uma gangue de brutamontes que espalham o terror pela região, praticando roubos e assassinatos. Capricórnio quer usar os poderes de Mo para trazer de Coração de tinta um ser ainda mais terrível e sanguinário que ele próprio. Quando seus capangas finalmente seqüestram Mo, Meggie terá de enfrentar essas criaturas bizarras e sofridas, vindas de um mundo completamente diferente do seu.

Sua  história  gira em torno de um livro mágico de onde os personagens saltam, literalmente, de suas páginas, invadindo a vida de seus leitores.

Meggie é uma garota que adora livros. Seu pai, Mo, é seu principal incentivador no mundo da leitura. Por ele ser encadernador de livros, ela cresceu rodeada deles, sempre ávida por novas histórias.  Sua mãe desapareceu há alguns anos e todos acham que ela está morta. Até que numa noite chuvosa e fria, um desconhecido aparece na porta da casa da família.  Dedo Empoeirado  afirma ser amigo de Mo.
Na manhã seguinte, Mo avisa a filha que precisará trabalhar na casa de uma senhora, Elinor, que adora livros, mas que, para isso, ele precisará fazer uma longa viagem.
Isso somado ao fato que ele carrega um misterioso livro, chamado Coração de Tinta, que Meggie nunca teve permissão de ler, a deixa extremamente intrigada. Há algo de misterioso e perigoso nesse livro.
Quando chegam a casa, um palácio abarrotado de livros por todas as paredes, Meggie, Mo, Elinor e Dedo Empoeirado começarão uma aventura repleta de elementos fantásticos em busca da solução de um problema que perdura há anos.
Conseguirão eles resolver esse impasse e retomar a paz em suas vidas?
Ainda sem entendermos bem o perigo no qual estão envolvidos, vamos desvendando tudo aos poucos junto à Meggie e descobrimos que os planos de Capricórnio podem colocar não só Mo e Meggie em perigo, mas também diversos personagens de outras histórias.

Meggie, nossa protagonista é um encanto. Leitora voraz, curiosa e perspicaz, com raciocínio lógico bem construído e trabalhado ao longo de toda a narrativa. Corajosa e ágil, uma aventura digna das que já estava acostumada a ler nos livros, era tudo o que ela desejava. Sua narrativa é perfeita, coloca o leitor dentro de todos os detalhes e nos apresenta a história através da encantadora perspectiva de uma garotinha apaixonada por livros.
Mo é retraído, introspectivo, racional e misterioso. Ele esconde muitos segredos de sua filha, não permitindo, por exemplo, que ela leia alguns de seus livros. Ele traz consigo o dom mágico que é responsável pela trama principal.
A construção de Elinor também é muito bem feita começando como incompreendida e nos mostrando sua face corajosa e desprendida,  ousada em vários momentos.
E Dedo Empoeirado, um dos meus personagens favoritos com suas controvérsias e inseguranças, que no transcorrer da narrativa vai somando, agregando pontos e no final nos presenteia com um surpreendente clímax.
A autora consegue construir personalidades díspares que se conectam ao longo da narrativa.
Coração de Tinta encanta por seus personagens, sua premissa, sua narrativa e pelos trechos de outros livros a cada início de capítulo. 

A autora Cornelia Funke tem uma escrita aconchegante, envolvente e instigante.
A bibliofilia é a protagonista dessa história. A arte de transportar histórias para o papel e espalhá-las para as pessoas. Todas as etapas de um livro, da concepção  até a interpretação de cada leitor, encontra um referencial na história.
No início de cada capítulo há citações de outros livros conhecidos, como Peter Pan, O Hobbit e A Ilha do Tesouro. A correlação desses quotes com o que viria no capítulo a seguir foi muito bem alinhavada e costurava perfeitamente com o que  o leitor encontraria adiante na leitura.
Cornelia Funke nos permite viajar para diversos universos fantásticos, fazendo do nosso próprio mundo um local onde personagens de “Coração de Tinta” podem conviver com os de “Ali Babá e os quarenta ladrões” e muitos outros.
E não pensem que por fazer parte de uma trilogia “Coração de Tinta” deixa questões em aberto. Muito pelo contrário, apesar de ter um pequeno gancho, poderia sim, ser um livro único, onde as principais perguntas são respondidas, as pontas não ficam soltas e as histórias são lindamente costuradas depois de lindamente alinhavadas no transcorrer do enredo.

Uma fantástica história infanto-juvenil para leitores de todas as idades com alguns aspectos mágicos e místicos que vão fazer vc se encantar pelo livro!
Quem é que nunca imaginou seus personagens preferidos ganhando vida?
Além de ser lindamente ilustrado!
Embarquem junto do Mo e  da Meggie neste universo fantástico.

Super recomendado.
Abraços Literários e até a próxima.




quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Inspira Estante #17

                                                                               


Essa é a coluna daqueles que são apaixonados por estantes, principalmente se estiverem abarrotadas de livros.
                                                                        



                                                                                 



É um móvel super versátil, que se adapta a qualquer lugar da casa suprindo as necessidades literárias e ainda mantém os livros pertinho e organizados.

                                                                              

                      
                                                                             


Vamos postar fotos de algumas estantes lindas de se ver, outras interessantíssimas, algumas diferentonas, outras fofas, algumas pequeninas, outras grandonas e tb aquelas que nem  parecem estantes.

                                                                                


E nesse mês de outubro vamos postar alguns modelos adoráveis e encantadores para crianças de todas as idades!
Além de guardar os livros, também para organizar os brinquedos, as coleções e tudo o mais que sua imaginação criar.

                                                                               


                                                                             

                                                                            

E aí, entre essas que apresentamos, qual a sua estante favorita ??????

Abraços Literários e até a próxima.




segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Bibioteca ??? Uma biblioteca pode fazer milagres!

                                                                               


Para comemorar o dia das crianças nós escolhemos resenhar esse encantador livro infantil para apresentar aos pequenos e futuros leitores!
Entrem com a gente nesse mundo mágico da literatura ;)
Temos certeza de que VCS vão se encantar!
Feliz Dia das Crianças!


Bibioteca??? Uma biblioteca pode fazer milagres!

O pequeno rato (que delícinhaaaaa ser “ratinha” de biblioteca!) é o alvo da raposa.
Ele corre o mais rápido que pode e passa por lugares apertados na tentativa de fugir, mas a raposa continua a sua caça.
O rato descobre sua salvação em uma biblioteca, repleta de livros com histórias e novidades, onde apresenta um mundo muito maior à raposa. 
Ela nunca tinha ouvido falar daquilo: “bibioteca???”.
E logo esquece o rato para se aventurar num novo desafio: aprender a ler.

                                                                            


 Estão vendo esse ratinho aí em cima tomando sol ???
Ele é um dos nossos protagonistas.
Enquanto ele está tomando seu sol aparece uma raposa querendo devorá-lo e ele foge... A raposa o segue e começa a sentir cheiro de papel e gente.

Quando acha o ratinho ele logo diz: " - Psiu!! Aqui ninguém pode ser perturbado!
Aqui é uma biblioteca.”

A raposa achou estranho aquele nome e logo perguntou: "Bibio... o que?”

E o ratinho, além de explicar que uma biblioteca é um lugar cheio de livros, entregou um livro de gravuras para a raposa.

                                                                               



A raposa volta a biblioteca depois de três dias e quer levar outro livro para casa. O ratinho então apresenta para a raposa os livros com áudio que ela pode pegar emprestado.

                                                                          

... e de tempos em tempos o animal aparecia para pegar cada vez mais livros e CDs!

E mesmo que o ratinho reclamasse que ela não tinha permissão de levar mais de 10 livros de uma vez, a raposa sumia com tudo! 
                                                                            


Muitas  outras coisas acontecem dentro da biblioteca e outros animais aparecem, afinal uma biblioteca é sempre uma caixinha de surpresas!

Bacanudoooo demais  para introduzir os pequenos ao mundo da leitura que acontece dentro de uma biblioteca.
A obra conta uma divertida história sobre como funciona uma biblioteca, suas regras, como fazer o cartão de empréstimos, quantos dias podemos ficar com os livros e quantos livros podemos emprestar de cada vez.
Um adorável incentivo de leitura às crianças de forma lúdica.

O livro mostra também que a amizade pode surgir dos momentos mais improváveis e que a leitura une os diferentes.

E VCS ???  Já visitaram  uma biblioteca essa semana ????

Recomendado para crianças a partir dos 2 anos em leitura compartilhada e para os maiorzinhos de 6 anos que já leem sozinhos.
Também para leitores de todas as idades :D

Abraços Literários e até a próxima.


segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Click #15: Adoção, sublime ato de amor!

                                                                               


(Essa imagem recebi da Luli, uma esplêndida, maravilhosa, extraordinária mãe de cães e gatos, e tb de peixes e pássaros.)

Um click e fique de bem com o mundo através das lentes sensíveis da literatura.
Essa á a coluna onde VCS dizem qual seria a legenda para a imagem.

Ontem foi dia de São Francisco de Assis, padroeiro dos animais.
Também ontem comemoramos o Dia Mundial dos Animais.
Daqui a exatos 80 dias será Natal!

A imagem que compartilhamos hoje é uma prévia do Natal. 
Como assim ????
São Francisco é amor, os animalitos são amor, Natal é amor <333
Então que tal comer a pensar desde já em adotar um pequeno e dar a ele um lar definitivo ???
                                                                             


Adoção. Sublime ato de amor <3 

E que tal fazer uma visita nesses sites bacanérrimos ????

Acãochego (aqui)
                                                                               




 PetFeliz (aqui)  




Toca dos Gatinhos (aqui)




 Abraços Literários e até a próxima.


domingo, 4 de outubro de 2015

Jornal Poético: Diversos Versos, Inversos e Reversos #18



 Este espaço,  intitulado Jornal Poético: Diversos Versos, Inversos e Reversos,  foi criado,   porque as poesias, os poemas, as rimas, os cordéis, prosa e verso  não podem ficar restritos a um sarau em  uma sala;  devem estar ao nosso alcance sempre.
Com a leitura podemos, encontrar e descobrir mundos que existem dentro de nós mesmos.
É  por isso que convidamos você, hoje a embarcar com a gente nessa linda oração, que com a devida licença poética, é uma doçura em forma de poesia,  que escolhemos para desejar neste Dia  Mundial dos Animas  e em todos os outros dias, paz, amor, esperança, fé, união e alegria!

Antes vamos conhecer um poquitito da vida do santinho padroeiro dos animalitos!

                                                                                 


São Francisco de Assis
04 de outubro

Giovanni di Pietro di Bernardone, mais conhecido como São Francisco de Assis (Assis, 1181 ou 1182 – 3 de outubro de 1226), foi um famoso frade e santo católico da Itália. Depois de uma juventude mundana, voltou-se para uma vida religiosa de completa pobreza, fundando a ordem mendicante dos Frades Menores, mais conhecidos como Franciscanos, que renovaram o Catolicismo de seu tempo.
Com o hábito da pregação itinerante, quando os religiosos de seu tempo estavam mais ligados aos mosteiros rurais, e com sua crença de que o Evangelho devia ser seguido à risca, imitando a vida de Cristo; desenvolveu uma profunda identificação com os seus semelhantes e com a humanidade do próprio Cristo.
Sua atitude foi original também quando afirmou a bondade e a maravilha da Criação, quando se dedicou aos mais pobres e quando amou todas as criaturas chamando-as de irmãos.
Alguns estudiosos afirmam que sua visão positiva da natureza e do homem, que impregnou a imaginação de toda a sociedade de sua época, foi uma das forças primeiras que levaram à formação da filosofia da Renascença.
Dante Alighieri, disse que ele foi uma “luz que brilhou sobre o mundo” e para muitos ele foi a maior figura do Cristianismo desde Jesus.
Sua vida e sua mensagem deram origem a inúmeras representações na arte, na pesquisa acadêmica, nos aspectos políticos de sua atuação e em seu misticismo pessoal.
Sua posição como um dos grandes santos da Cristandade se firmou quando ele ainda era vivo e permanece inabalada até os dias de hoje.
Foi canonizado pela Igreja Católica menos de dois anos após falecer, em 1228, e por seu apreço à natureza é mundialmente conhecido como o santo patrono dos animais e do meio ambiente.


Cada uma de nós, à sua maneira, extrai da vida a poesia que nos cabe.


Senhor!

Faça de mim um instrumento da tua paz!
onde houver ódio,
que eu leve o amor
onde houver ofensa
que eu leve o perdão,
onde houver discórdia
que eu leve a união,
onde houver dúvidas
que eu leve a fé,
onde houver erros
que eu leve a verdade,
onde houver desespero
que eu leve a esperança,
onde houver tristeza
que leve a alegria,
onde houver trevas
que eu leve a luz!

Ó Mestre! Faça que eu procure mais
Consolar, que ser consolado,
Compreender que ser compreendido,
Amar que ser amado...

Pois:
É dando que se recebe,
É perdoando que se é perdoado,
E é morrendo que se nasce para a Vida Eterna.


Beijos poéticos e abraços literários!
Até a próxima.




quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Loja Virtual Café com Leitura na Rede: Bazar Literário-

                                                                                 


Ler é viajar no tempo. Viaje para onde sua imaginação quiser.
Ler faz bem para a saúde, para a mente e para o coração.
O hábito da leitura é uma das melhores maneiras para obtermos informação, companhia, lazer, entretenimento e cultura.
Mergulhar nas páginas de um livro é descobrir tesouros antigos e também abrir as portas para novas conquistas.

                                                                              


Nesse mês de outubro em que comemoramos o dia internacional dos idosos e o dia das crianças VCS  podem comprar por preços imperdíveis livros bacanérrimos na nossa lojinha virtual, aqui.

                                                                              


Tem livro de todos os gêneros para todos os gostos e um certamente vai fazer a alegria dos vovôs, das vovós, dos filhos, afilhados, sobrinhos, amigos ... dos 0 aos 100 anos!

Aguardamos vcs com carinho e com um atendimento vip que vai encantar nossos clientes-parceiros.
Confiram!
           

Abraços Literários e até a próxima.